+55 (11) 2564.7471
ISO 9001 req. 9.2 Auditoria Interna - Q-MAX DO BRASIL - Auditoria, Assessoria e Capacitação

ISO 9001 req. 9.2 Auditoria Interna

Gisberto Werninghaus  |  ISO, Nova ISO, 9001:15  |  terça-feira, 7 de julho de 2015

9.2 Auditoria interna 

9.2.1 A organização deve executar auditorias internas a intervalos planejados, para fornecer informações sobre se o Sistema de Gestão da Qualidade está; 

a) em conformidade com: 

1) às necessidades da organização para o seu Sistema de Gestão da Qualidade

2) os requisitos desta norma

b) está mantido e implementado eficazmente.

9.2.2 A organização deve: 

a) planejar, estabelecer, implementar e manter um programa (s) de auditoria, incluindo a frequência, os métodos, as responsabilidades, os requisitos de planejamento e criação de relatórios, que deverão levar em consideração os objetivos da qualidade, a importância dos processos pertinentes, retroalimentação de clientes, as mudanças que impactam a organização e os resultados de auditorias anteriores;

b) definir os critérios de auditoria e escopo de cada auditoria; 

c) selecionar auditores para conduzir auditorias e assegurar objetividade e imparcialidade do processo de auditoria

d) assegurar que os resultados das auditorias são notificados aos responsáveis pertinentes

e) definir as correções necessárias e ações corretivas em tempo hábil

f) manter a informação documentada como evidência da implementação do programa de auditorias e os resultados da auditoria

NOTA: Veja ISO 19011 para orientação. 

 

9.2 Auditoria interna

9.2.1 A intenção da cláusula E Obter INFORMAÇÕES atraves de Auditorias Internas Sobre o Desempenho ea eficacia do Sistema de Gestão da Qualidade A Partir de Uma Visão imparcial, parágrafo garantir that como disposições planejadas were concluídas e Que o Sistema de Gestão da Qualidade e efetivamente implementado e mantido.

Como Auditorias Internas PODEM Ser Usados Para determinar se o Sistema de Gestão da Qualidade em conformidade com Requisitos do sistema operacional da ISO 9001 e como exigências da Organização. Métodos de auditórios DEVE Incluir Observação Direta do Processo, Entrevistas com PESSOAS Relevantes, ea Análise de Informações documentadas (such Como Procedimentos Internos, Desenhos, especificações, Normas, Requisitos do Cliente, Requisitos legais implementadas e regulamentares, E em Sistemas de Gestão Empresarial). Embora a Organização DEVE sempre tentar garantir Que o Seu Sistema de Gestão da Qualidade ESTÁ em conformidade com todos OS Requisitos aplicáveis da norma ISO 9001, Não há nenhuma exigencia parágrafo Cada cláusula do ISO 9001, or Processo No Sistema de Gestão da Qualidade, um Ser assessed auditórios Durante Cada.

9.2.2 A intenção Desta subseção E garantir Que a Organização estabelece, imple- e mantém hum Programa (s) de auditórios. Em Alguns Casos, Onde a Organização dez VÁRIOS locais, a Organização PODE estabelecer hum Programa de auditórios parágrafo Cada Específico local. O Programa de auditórios estabelece como Modalidades de hum Conjunto de Uma UO Mais Auditorias planeadas parágrafo hum Período de ritmo Específico e DEVE Ser Dirigida não SENTIDO de assegurar o Desempenho ea eficacia do Sistema de Gestão da Qualidade.

O Programa de auditórios DEVE Indicar uma Frequência Com que a Organização IRA Realizar Auditorias (Exemplo POR, mensal, trimestral, anual, uo de according com hum cronograma Que É diferente parágrafo áreas UO Processos Ao Longo de hum ano). Ao determinar a freqüência, a Organização DEVE aplicar O Pensamento baseada no Risco e considerar Como MUITAS vezes o Processo E Realizado, o grau de Maturidade UO um Complexidade do Processo E, Mudanças quaisquer No processo e Os Objectivos do Programa de auditórios. Por Exemplo, Os Processos Mais maduros São susceptíveis de exigir Auditorias Internas Menos Frequentes. Processos Mais Complexos PODE exigir Auditorias Internas Mais Frequentes. Uma Lista de Entradas Para considerar when Planear Auditorias inclui, mas NÃO ESTÁ limitado a:

a) A dos importancia Processos; b) como prioridades de Gestão; c) o Desempenho dos Processos; d) alterações that afectem a Organização; e) OS Resultados de Auditorias Anteriores (Por Exemplo, histórico de Problemas); f) como Tendências de Reclamações de Clientes;

g) Questões legais implementadas e regulamentares.

Programa de Auditoria interna da Organização (s) TAMBÉM DEVE Definir OS MÉTODOS a Serem utilizados Pará Auditorias; Estes methods PODEM Incluir Entrevistas, OBSERVAÇÕES, de Amostragem e Análises de Informação. Como Uma Prática recomendada, um desen Organização Planejar e Realizar Auditorias de according com OS Requisitos do Seu Sistema de Gestão da Qualidade, POR Projeto OU Processo, em vez de Pelas cláusulas Específicas em ISO 9001.

Ao PESSOAS atribuir parágrafo Auditorias Realizar, a Organização DEVE assegurar objetividade e imparcialidade do Processo de auditórios. Em Alguns Casos, especificamente NAS Organizações Menores OU áreas da Organização Onde E Necessário o Conhecimento de Trabalho Específico, PODE Ser Necessário a uma pessoa Para auditar o Seu PRÓPRIO Trabalho. Nesta Situação, uma Organização PODE ter o Trabalho de auditor interno com hum colega, uo ter OS Resultados revisados Por Um colega OU UM gerente, parágrafo assegurar Resultados São imparciais. A Organização TAMBÉM PODE considerar a Obtenção de Recursos de hum supplier externo, Universidade Como Uma, externo auditor, OU Outra Organização.

Exemplo Um encanador e eletricista UM PODE Realizar Auditorias não Outro OU Ajudar O Outro parágrafo fóruns, OU Uma Empresa de Limpeza poderia exigir Seu Pessoal administrativo Para auditar O Processo de Limpeza, Uma Vez Que NÃO estao diretamente envolvidos nessa Tarefa particular.

Como parte da Atividade de Planejamento, a Organização DEVE determinar OS criterios e Possibilidades de Auditorias Internas. Os criterios de auditórios PODE Ser Definida POR Normas OU Requisitos Específicos EO Âmbito Da Pode auditórios Incluir Departamentos Específicos, Linhas de Produtos, Processos UO instalações. Ser PoDE Útil Para a Organização, se ELE TEM implementado hum Sistema de Gestão de Endereçamento Padrão de Mais de Um Sistema de Gestão com Requisitos semelhantes, parágrafo Conduzir Auditorias combinadas (Por Exemplo, parágrafo hum Sistema de Gestão Integrado UO combinado) Para Recolher uma redundancia . This Informação e geralmente apresentada em hum plano de auditórios (OU SEJA, o plano detalhado Pará uma Realização de Uma auditórios Específica).

Apos um e concluída auditórios interna, Os Resultados devem Sor Comunicados AOS Gestores Relevantes. COM Nestes base de Resultados, Ações de Correção e corretivas Indicato PODEM Ser Necessárias. Uma Organização PODE OPTAR POR estabelecer criterios parágrafo QUANDO E necessaria Uma Ação Corretiva, com base de em Fatores Tais Como a Gravidade de Uma NÃO conformidade. Normalmente, a Organização estabelece hum ritmo parágrafo responder e Não-conformidades corretos e Tomar Ações corretivas, parágrafo garantir that they Sejam efetivamente implementadas em ritmo hábil.

Durante valor Para agregar como Auditorias Internas, PODE Ser Possível observar como condições Que atendam AOS Requisitos, mas PODE representar hum Fraqueza potencial no Sistema de Gestão da Qualidade; alternadamente, o Oportunidades de Melhoria PoDE Ser Determinado com base de em Experiências de OUTRAS Auditorias e Práticas observadas em Outros Processos OU LOCAIS interno. Em Tais Casos, se Uma Organização inclui essas informacoes sem Relatório de Auditoria, PODE fornecer EAo Gestores como INFORMAÇÕES parágrafo Decidir se ELE E apropriado parágrafo Iniciar uma Ação de Melhoria.

A Organização e necessario de para reter A Informação documentada de para fornecer Provas do Programa de auditórios de um Ser implementadas e Os Resultados da auditórios. Exemplos de resultados da auditórios PODE Incluir Relatórios de Auditoria, o Evidência de correções OU Ações corretivas Tomadas (Por Exemplo, Formação, Informação documentada Atualizado). Os Resultados das Auditorias Internas São Necessários Como Uma entrada Pará Revisão da Gestão.

Q-MAX DO BRASIL
+55 (11) 2564-7471
Criação:
Desenvolvimento:
© 2015 Q-MAX DO BRASIL. All Rights Reserved.